0

Tentando aumentar a velocidade do roteador? Experimente estas 10 maneiras fáceis!

# 1

# 1

A maioria dos modelos de roteadores mais recentes são autossuficientes e não precisam ser reinicializados com frequência, mas você definitivamente já se deparou com situações em que reiniciar o roteador faz com que ele funcione perfeitamente. Além disso, a primeira coisa que o suporte do seu ISP lhe dirá é para reiniciar o roteador.

# 2

# 2

A maioria dos modelos de roteador de consumo e de baixo custo têm antenas horríveis e podem ser facilmente adulteradas. Para melhorar a velocidade e a conectividade do roteador, tente substituí-los por opções melhores do mercado. Muitas antenas amplificadas e amplificadas começam em torno de Rs. 500 e variam até Rs. 10.000

# 3

# 3

Roteadores mais novos usando o protocolo 802.11ac tendem a oferecer uma eficiência muito melhor em comparação com opções mais antigas. Os roteadores que usam o protocolo 802.11g podem ser considerados inúteis para executar operações mais rápidas. Para corrigir o problema, você fará login no roteador e alterará o modo 802.11 para permitir apenas protocolos mais recentes.

# 4

# 4

Existem basicamente duas configurações para largura de canal – 20 MHz e 40 MHz. A largura de 40 MHz é usada em modelos de roteadores mais novos que requerem uma área de rede muito mais ampla para atingir todo o seu potencial. Esse ajuste não mudará a velocidade com que você pode navegar na web, mas aumentará a velocidade de streaming ou transferência de arquivos entre máquinas.

# 5

# 5

Como qualquer outro produto tecnológico, um roteador também requer atualização regular de construção, firmware e outros softwares no dispositivo. Mantê-lo atualizado garantirá que seu roteador seja compatível com a maioria das conexões de Internet disponíveis para seu uso.

# 6

# 6

A velocidade e a cobertura de um roteador dependem muito do local onde ele reside em sua casa ou escritório. Com uma localidade com vários roteadores diferentes, sua unidade terá dificuldade para obter a conectividade necessária para funcionar. Portanto, tente mudar de local e obtenha a melhor velocidade com tentativa e erro.

# 7

# 7

A maioria dos novos roteadores agora vem com duas opções de conectividade – 2,4 GHz e 5 GHz. Este último é muito melhor do que 2,4 GHz, pois oferece menos interferência, mais estabilidade e velocidades de conexão mais rápidas. No geral, as bandas de 5 GHz são atualmente as melhores opções para roteadores Wi-Fi. Porém, há um pequeno problema; todos os seus dispositivos conectados precisam suportar a banda de 5 GHz, caso contrário, isso pode causar problemas de compatibilidade.

# 8

# 8

Os canais são usados ​​por roteadores para transmitir dados em redes diferentes. Às vezes, em locais lotados, esses canais tendem a ter conflitos e podem causar distúrbios. Nesse caso, é melhor selecionar manualmente os canais para a melhor configuração. Aplicativos como WiFi Analyzer e WifiInfoView são boas opções para fazer isso.

# 9

# 9

Suponha que você use sites de streaming de vídeo principalmente em seu uso rotineiro de Wi-Fi; Quality Of Service (QoS) é um recurso que ajuda a dar largura de banda com prioridade especial para esses aplicativos, que usam seus bytes de dados da Internet. Isso ajuda a evitar que o roteador assuma a carga.

# 10

# 10

Se houver apenas um recurso que você usa em seu roteador Wi-Fi, é necessário protegê-lo completamente. A criptografia, uma técnica de proteger os dados entre redes, é uma ótima maneira de proteger sua conexão e evitar que as pessoas usem seus preciosos bytes de dados.

reverent-aryabhata

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *